quarta-feira, 1 de março de 2017

Imagem do Dia

Autódromo "Lourenço Schreiner", São Bento do Sul, 1993. 
Mário Lüersen Filho (Gol 70) e Alessandro Weiss (Gol 37).

E vem aí a abertura do Campeonato Catarinense de Automobilismo e abertura da TCC (Turismo Clássico Catarinense) nos dias 04 e 05 de março em São Bento do Sul. Haverá também prova festiva de Auto Cross.
Todos os caminhos levam ao "Lourenço Schreiner". Prestigie! 

Fotos: Acervo Alex "Xerife" Fernandes /
Divulgação São Bento Motor Clube

3 comentários:

Marcelo Cancian disse...

Sem palavras,tesão de imagem, e um carro mais lindo que o outro..demais...
Forte abraço,Francis

HOT FOXXY disse...

Airton Ávila Erig Agora vai, tem boa vontade, trabalho, e principalmente honestidade com dinheiro alheio. Chega de festa. Boas negociações com os Clubes, patrocinadores e principalmente com quem faz a festa os pilotos. Só seguir o que foi feito na TCC. Abraços.

ESPORTE | BANDEIRADA 24/02/2017 14H14
Oposição vence eleição em Santa Catarina
O Momento pela Renovação do Automobilismo Catarinense nasceu durante a campanha do paranaense Milton Sperafico à presidência da CBA
João Alfredo Novaes, Milton Sperafico e Francis Trennepohl no início do movimento pela renovação no automobilismo catarinense - DIVULGAÇÃO
A oposição venceu quarta-feira a eleição da Fauesc (Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina). A chapa Renovação, formada por clubes e pilotos, derrotou a Automobilismo para Todos por 10 a 8.
Com isso, João Alfredo Novaes, conhecido como Joãozinho do Kart, irá presidir a Fauesc nos próximos quatro anos, tendo como primeiro vice o jornalista Francis Henrique Trennepohl, segundo Gelsemino Chiesa e terceiro vice Airton da Silva Carraro Júnior.
Durante uma assembleia tensa, na qual o então presidente Almir Petris (eleito recentemente vice da CBA) usava de todas as artimanhas possíveis para eleger o candidato de situação Marco Aurélio Perdigão de Carvalho, o Lelo, os clubes rejeitaram as contas relativas ao exercício de 2016 e em seguida começou o processo eleitoral, quando 10 dos 18 clubes optaram por promover uma renovação completa do automobilismo catarinense.
João tomou posse logo após a proclamação do resultado e em seguida comandou a primeira reunião da nova diretoria. Falando a coluna Bandeirada, ele disse que nos próximos dias começará a colocar em prática as metas da Chapa Renovação, que tem como objetivo primordial a valorização de clubes e pilotos.
“Nossa administração será transparente. Todos os nossos atos serão de conhecimento de todos. Também queremos que alguns atos da diretoria passada sejam apurados e vamos deixar bem claro para a futura diretoria da CBA que Almir Petris não nos representa. Também queremos que o ex-presidente Jairo Albuquerque não tenha qualquer envolvimento com o automobilismo catarinense e vamos pedir para que a CBA cancele o acordo que tem com a agência de viagens de sua propriedade. Não aceitamos essa história de CBATur”, alfinetou João Movaes.
O INÍCIO
O Momento pela Renovação do Automobilismo Catarinense nasceu durante a campanha do paranaense Milton Sperafico à presidência da CBA. Clubes e pilotos não aceitaram a forma ditatorial de Almir Petris, então presidente da Fauesc, que decidiu sozinho apoiar e integrar a chapa de situação de Waldner “Dadai” Bernardo e tentaram diversas vezes fazer com que ele fechasse com as federações do Sul, Sudeste e Centro-Oeste, que apoiavam Sperafico. Agora ele sofreu uma sonora derrota, mesmo com todas as manobras para se perpetuar no poder.


Francis Henrique Trennepohl disse...

Valeu Marcelão!

Airton, muito obrigado! Espero vê-lo nas pistas em breve.
Grande abraço